A importância de entender a diferença entre mercado, segmento e nicho

Postado por Equipe mageshop, 18-03-2022 - 01:58

A importância de entender a diferença entre mercado, segmento e nicho

Quem trabalha com e-commerce percebeu que ele vem apresentando um crescimento constante, especialmente depois da pandemia, isolamento social e da quarentena impostas pelo vírus do Covid-19 que impediram as pessoas de saírem para compras. Isolados, visando a saúde coletiva, até os mais desconfiados passaram a comprar on-line, o que impulsionou sobremaneira as vendas nos e-commerces. Se você pretende trabalhar no mercado online, está iniciando nele, se torna extremamente necessário apresentar um diferencial para seu negócio se destacar entre os muitos concorrentes que estão por aí. Desta forma, algumas questões bastante pontuais precisam ser definidas se o seu desejo é abrir um e-commerce! Elas são: determinar qual será o mercado; definir qual o segmento a que pertence; delimitar o nicho que irá ser o foco do empreendimento. Leigos dirão que mercado, segmento e nicho significam a mesma coisa. Mas não são! E saber diferenciar esses três termos, pode ser a diferença para alavancar o seu negócio online. Continue lendo e fique por dentro das especificidades de cada um.

1

Como diferenciar mercado, segmento e nicho?

 

São termos complementares, mas que num entendimento mais profundo tem diferenças que impactam no seu negócio. Entender essas diferenças é muito importante para o crescimento do seu empreendimento - saiba agora o porquê.
 

Entendendo o conceito de Mercado

 

Mercado faz referência a algo mais amplo, com uma gama quase que infinita de possibilidades e múltiplas ramificações. Para ter uma noção melhor, vamos usar como exemplo o mercado de moda, que tem uma grande quantidade de portas que podem ser abertas para diversos caminhos.

 

Entendendo o conceito de Segmento

 

Partindo do conceito do mercado da moda, dentro deste, define-se uma parte mais específica, que nada mais é do que o que chamamos de segmento.

Podemos definir os segmentos como divisões menores dentro de um mercado, que podem ter diferentes caminhos - são os campos mais delimitados que o mercado escolhido tem intrínseco.

 

Desta forma, passamos do:

  1. mercado de moda - conceito amplo

  2. segmento escolhido - conceito intermediário

 

usando como exemplo o segmento de moda feminina.

 

Entendendo o conceito de Nicho

 

Para ser mais específico dentro do segmento escolhido, buscamos uma parte ainda menor e mais restrita- que é o nicho. Quando definimos o nicho, ele corresponde a uma parcela de clientes em potencial que possuem gostos e interesses similares dentro da amplitude do mercado de moda, que é nosso exemplo.

Sendo um mercado tão amplo, precisa ser subdividido para atingir o público desejado, então retornamos ao que foi explicado no item anterior: 

 

  • mercado de moda - conceito amplo

  • segmento - conceito intermediário/segmento de moda feminina.

  • nicho escolhido - conceito específico

 

tendo como exemplo, nicho de moda praia, ficando assim algo mais direcionado e específico.

O nicho, portanto, é uma forma de afunilar ainda mais o segmento escolhido para o e-commerce, de forma a facilitar ainda mais o detalhamento do seu empreendimento virtual, começando a dar mais forma para o seu negócio.

Recapitulando então com um exemplo diferente:

  • mercado de bebidas - conceito amplo

  • segmento de bebidas destiladas - conceito intermediário

  • nicho de cachaças artesanais - conceito específico

 

Porque entender esses termos? 

 

Pois ao conhecer perfeitamente os significados de mercado, segmento e nicho e o que eles representam num negócio, você consegue ter um bom direcionamento para o seu empreendimento, com decisões e estratégias mais assertivas.

Ao compreender bem esses conceitos e aplicá-los, todos os processos são definidos e conduzidos de maneira correta a fim de trazer maior rentabilidade para o seu negócio online.

 

O que eles auxiliam para um empreendedor e seu negócio on-line?

 

Ao delimitar seu negócio nos termos mostrados até agora, pode auxiliar muito em vários aspectos:

  • diminuir a concorrência, deixando-a bem mais baixa ou até mesmo praticamente nula;

  • aumentando as chances do seu e-commerce de se tornar uma referência no segmento e nicho escolhidos;

  • melhorando o posicionamento da marca com estratégias de marketing bem direcionadas;

  • aumento da fidelização e de compras com recorrência; 

  • estabelecimento de uma relação de confiança entre seu negócio e o público que ele ambiciona atingir;

  • criação de um bom canal de comunicação com o público alvo; 

  • especialização no assunto escolhido, dominando o seu nicho de mercado.

Compreendendo os conceitos do que é mercado, segmento e nicho, dará a  você um bom direcionamento para o seu negócio, de forma geral, já que todos os processos serão realizados corretamente e a comunicação terá um foco bastante específico, o que impacta positivamente, tornando as vendas mais efetivas.

Mas ao optar por um nicho posso ser prejudicado?

Essa é uma dúvida comum, falaremos sobre ela abaixo.

 

Delimitar o nicho pode reduzir a rentabilidade?

 

Alguns empreendedores se questionam se o fato de escolher um nicho para seu negócio não reduz muito o público e mina a possibilidade de crescimento, mas isso não acontece, pelo contrário , pois ao definir o nicho da empresa, os processos tornam-se mais fáceis e o desempenho melhora, sendo uma crescente e aumentando cada vez mais.

Porém, para alcançar o sucesso, você precisa identificar qual o nicho que possui público alvo em expansão para atuar, ou seja, que tenha uma necessidade bem específica.

Inclusive há é-commerces que focam apenas em um tipo de produto - e é encontrando essa parcela do mercado, que o sucesso tende a ser uma garantia.

Quando você define um nicho, os processos se simplificam e o desempenho tende a aumentar exponencialmente, pois é a partir de um nicho de mercado bem determinado, que você consegue definir com segurança onde seus recursos serão aplicados.

Compreender e introjetar esses conceitos é essencial

Como agora você já compreendeu bem esses os termos de mercado, segmento e nicho é hora de colocá-los pra jogo!

Ou seja, usá-los para dar um norte ao seu negócio, usá-los de maneira efetiva e assertiva, pois de nada adianta definir esses pontos na teoria e depois esquecê-los, não os colocando em prática nas estratégias do seu negócio.  

É de suma importância que você estude a fundo e entenda com excelência a situação do mercado do seu negócio e a concorrência que o cerca, de forma que você sempre tenha ideias inovadoras e soluções que visem impulsionar seu empreendimento online em meio a tantos outros concorrentes de lojas virtuais.  

 

Outras Publicações

Dicas de uso de instagram associado à loja virtual
Quem monta uma loja virtual faz isso pensando em divulgar seus produtos para uma quantidade gigantesca de pess...
Leia Mais
Como saber quais são as melhores redes sociais para a sua Loja Virtual
Este é um fato incontestável: as redes sociais são a melhor maneira de ver e ser visto na atualidade. E com...
Leia Mais
Taxa de conversão: o grande desafio do e-commerce
Para os varejistas virtuais, pouco adianta que muitos usuários visitem o site da sua loja mas não comprem na...
Leia Mais
Como criar identidade de marca para atrair os consumidores?
Já percebeu que algumas marcas de roupas, lanchonetes de fast food, veículos, assim como também seus comerc...
Leia Mais
Como aumentar o tráfego de uma loja virtual
Sua loja virtual está pronta: os itens foram catalogados, as descrições estão impecáveis, o sistema logí...
Leia Mais