Principais tendências para o e-commerce para 2022

Postado por Equipe mageshop, 03-03-2022 - 11:03

Principais tendências para o e-commerce para 2022

As lojas virtuais estão cada dia mais presentes na vida dos brasileiros. De fato, a tendência de crescimento que vimos nos últimos anos foi acelerada pela crise sanitária e as restrições nas lojas físicas. Hoje, empresas de todos os setores investem em e-commerce, não apenas como uma forma de faturar mais, mas também como uma nova experiência de compra para os consumidores. Neste conteúdo, vamos apontar algumas tendências para e-commerce em 2022. Leia todo o material!

1

Tendências tecnológicas para e-commerce 2022

 

O mundo digital já possuía muitas ferramentas antes da expansão vista devido à crise sanitária. No entanto, a entrada de milhares de marcas no mundo digital fomentou o surgimento de diversas ferramentas extras, sendo que até novas redes sociais surgiram nesse período.

Usar essas ferramentas é quase uma obrigação para quem quer se manter competitivo no mercado atual. Por isso, separamos as principais tendências tecnológicas deste ano.

 

Análise de dados

 

A análise de dados nada mais é do que extrair informações relevantes para sua empresa, dos dados que ela produz no dia a dia. Entretanto, é preciso investir em métodos de coleta desses dados de forma sistemática e escalável, de modo a garantir que todo o material esteja apto a análise.  

Se você é leigo no que tange à computadores, saiba que é possível mensurar qualquer coisa em seu próprio site. Uma técnica vastamente utilizada é o mapa de calor, que apresenta as principais regiões acessadas pelos usuários, enquanto em seu site.

 

Inteligência artificial

 

A inteligência artificial faz parte da análise de dados, mas nem sempre as empresas exploram seu potencial.

No caso, a análise de dados comentada na seção anterior estaria mais para uma mensuração leviana dos dados do negócio, de modo a encontrar padrões simples, mas que podem gerar valor para a empresa.

Quando falamos em inteligência artificial, a análise é muito mais profunda. Uma IA treinada consegue enxergar padrões que estão muito além da capacidade humana, fornecendo insights poderosíssimos para a empresa.

Hoje, essa tecnologia está bastante acessível para o público em geral.

 

Omnichannel

 

O omnichannel é uma técnica de integração de informações, estando mais para uma experiência de compra. No caso, todos os dados da empresa, principalmente os relacionados à comunicação, são integrados em uma única plataforma.

Ou seja, uma pessoa consegue atender diversos pontos de contato com o cliente ao mesmo tempo, como WhatsApp, chat do site, chat do app e assim por diante. Além disso, a compra pode ser feita em qualquer um dos pontos que a ordem será transmitida para a central instantaneamente.

 

Pagamentos por PIX

 

Quando uma nova tecnologia surge, ainda mais se está relacionada a dinheiro, é comum haver resistência do público. Por mais incrível que pareça, os brasileiros aceitaram muito bem o PIX, e as estimativas recentes mostram que mais de 70% (Febraban) da população já usa essa ferramenta.

Por isso oferecer essa modalidade de pagamento é tão importante para os e-commerces!

 

Entregas ultra rápidas

 

Há alguns anos, o “frete grátis” surgiu no mercado brasileiro, e foi rapidamente adotado  pelos consumidores. Hoje temos as entregas ultra rápidas, que são feitas no mesmo dia da compra do produto - e a reação do público não foi diferente da de antes.

É preciso de uma logística muito otimizada para se conseguir um resultado dessa proporção. Se seu e-commerce não tiver essa estrutura, busque ser coerente com os prazos apresentados aos consumidores; jamais minta para eles.

 

Redes sociais

 

As redes sociais são um verdadeiro sucesso no mundo moderno. Elas conectam bilhões de pessoas de todas as partes do mundo, oferecendo trocas de mensagens instantâneas e diversas outras vantagens.

Para um e-commerce, as redes sociais são locais para conquistar clientes com conteúdos de qualidade ou anúncios inteligentes.

 

Tendências de mercado para e-commerce 2022

 

Agora que apresentamos as tendências tecnológicas, vamos mostrar os mercados em ascensão no e-commerce em 2022. A maioria deles são setores que já vinham crescendo, e que agora se tornaram verdadeiras minas de ouro para as lojas online.

Veja a seguir!

 

Produtos para pet

 

Hoje, os pets são tratados como membros da família e, em alguns casos, a família prefere deixar de ter um filho para cuidar apenas de animaizinhos. E da mesma forma que queremos o melhor para nossos filhos, essas pessoas querem o melhor para seus pets.

O mercado pet vem crescendo consistentemente ao longo dos anos, sendo um dos setores ditos “sem crise”. A razão disso é que, não importa o cenário econômico, os pets ainda terão as mesmas necessidades de sempre.

 

Móveis para casa

 

Quando falamos no setor imobiliário brasileiro, devemos lembrar que nosso país oferece diversos métodos para a aquisição de imóveis por conta própria, onde o mais comum é parcelar o valor do imóvel em 30 anos.

Essas facilidades permitem que mais pessoas tenham acesso a casas e apartamentos próprios, gerando uma alta demanda de móveis para mobiliá-los. Embora não seja um setor tão perene quanto o de pets, com certeza estará em alta por bastante tempo.

 

Itens de construção civil

 

Seguindo a lógica dos móveis para casa, os itens de construção civil também possuem alta demanda atualmente. Como foi dito, boa parte dessa demanda vem das facilidades de se comprar o imóvel próprio, que muitas vezes são subsidiados pela União.

Vender blocos de construção, concretos, estruturas pré-moldadas e coisas do gênero sem dúvidas é um ótimo nicho de atuação, e será assim por vários anos.

 

Farmácia e saúde em geral

 

O povo brasileiro tem como principal característica o cuidado com o próprio corpo. Por isso as farmácias fazem tanto sucesso por aqui, assim como as academias e lojas de suplementos.

Você pode criar tanto um e-commerce de itens básicos de farmácia quanto de suplementos alimentares.

 

Alimentos e bebidas

 

Por fim, outro excelente setor para empreender é o alimentício. No caso, você pode montar um e-commerce tanto de produtos do dia a dia quanto de itens mais raros, como produtos importados.

O povo brasileiro adora bebidas de alta qualidade, como whiskys, vodkas e assim por diante, sendo ótimos produtos para vender pela internet.

Este conteúdo te ajudou? Temos diversos outros materiais como este em nosso blog. Dê uma passadinha por lá!

Outras Publicações

E-commerce: 8 tendências para ficar de olho em 2021
Os e-commerces fizeram muito sucesso em 2020 devido à pandemia de Covid-19. Mesmo com o fim da pandemia, tudo...
Leia Mais
Entenda como e por que é importante fidelizar clientes no e-commerce
Todo lojista quer manter sua marca em posição de destaque no mercado e deseja que ela seja conhecida por tod...
Leia Mais
Como realizar a precificação de produtos corretamente
Precificar produtos não é fácil, ainda mais quando falamos de e-commerce. Afinal, temos que somar todos os ...
Leia Mais
Como definir os produtos relacionados em sua loja virtual
Você provavelmente já viu isto em muitos e-commerces: depois de escolher um produto, bem próximo a ele na p...
Leia Mais
Mídia paga: as melhores estratégias para otimizar as suas campanhas no Google Ads
Às vezes, esperar bons resultados apenas com as buscas orgânicas no Google não é uma boa ideia. É passivo...
Leia Mais